7 de mar de 2010

Noticias que você não vê poraí



Para subir na vida

Um ‘chinéco’ de 26 anos de idade (não, não vou falar o nome dele, você nem vai conseguir pronunciar mesmo) subiu em uma torre de alta tensão em um momento de tensão na sua vida, o rapazote está desempregado. Então ele subiu lá, e ficou por umas 4 horas, dançando, até cair em um colchão de ar. Legal, né?

Acho que ele só queria uma força (há!).


Depósito no cofrinho

Dinheiro na cueca é algo genuinamente (há!) brasileiro. Deveriamos ter patenteado isso, mas agora fodeu. É que o corretor de imóveis John Maurice, 68, foi preso na Inglaterra com a bufunfa nas cirolas; 60 mil libras, é mole? Tem que ser, pra caber mais dinheiro.
Como o bom velhinho também fazia lavagem de dinheiro (pra que lavar e colocar na cueca? Suja tudo de novo!), ele foi condenado a prisão. Quando será que vão aprender que volume na cueca é sinal de merda?


Super Cãopanheiro

Um cachorro salvou uma família de um incêndio, coisa mais linda desse mundo, né? Ele latiu e latiu até que lhe dessem atenção. Tudo lindo, porém, há um detalhe: o incêndio foi causado pelo gato da família! Sim, um maléfico e ardiloso gato que derrubou a vela. Felizmente o super cão estava lá para frustrar seus planos maléficos. Será que ele voa em direção ao horizonte?


Cowgirl

Nem promoção da polishop é tão boa. Uma americana foi fazer um implante nos seios e ganho u mais 2 de brinde! Isso mesmo! Ela ficou com 4 tetas! O médico disse que ela ficaria linda, uma tchutchuca, e ela acreditou. No entanto, isso acabou com o seu casamento e sua auto estima. Agora ela já está com duas tetas de novo, após passar por 2 cirgurgias para correção. Suspeito que o médico seja indiano, pra achar a mulher vaca sexy.


Melador de fonhas


Coréia do Sul, porção capitalista das Coréias. Terra de prosperidade tecnológica, de onde sairam tanto Samsung quanto LG. Tudo para estar bem, mas não esta, afinal, mesmo nas terras mais brilhantes surge o maior dos idiotas. Falo isso pois um nativo sul-coreano casou-se com uma boneca de pano gigante, quase um travesseirão, com o desenho de seu anime favorito. E você pensa “Isso só poderia acontecer na Coréia mesmo, mas não no Japão, lá o povo é diferente”, e você estará certo pensando assim, o povo lá é diferente, já que estão organizando uma petição que já tem o apoio de mais de 500 pessoas para poder oficializar o casamento de pessoas (não posso chamar isso de humano) com seus personagens fictícios favoritos. Eu acho que as bonecas infláveis deveriam se organizar e lutar por seus direitos, afinal, elas não são bonecas pra casar?

O amor já foi lindo...

5 comentários:

  1. Imagino o padre todo sem graça:
    I here pronounce you husband and... well... pillow.

    Esse casamento é tão inutil quanto o com dois humanos. Afinal, a travesseira vai ficar velha, amarelada, mofada e o cara vai chutar ela por outro de penas, macio e beeeem mais novo.

    ResponderExcluir
  2. Tá querendo emprego no Planeta Bizarro do G1?

    ResponderExcluir
  3. Só notícia boaaaa!!! hahahahaha
    Deviam ter deixado a mulher com as tetas... daí já teria duas reservas em caso de necessidade! O.O
    A causa das bonecas infláveis tem meu apoio! XD

    ResponderExcluir
  4. Era a Chii no travesseiro?Não sei o que é pior,isso ou o cara que casou com o DS.
    Tá,isso foi no Japão...
    Tem um jogo de relacionamento japonês chamado Love Plus (claro,né,tudo um bando de otaku,precisa dessas merdas mesmo ¬¬) e o cara se apaixonou e casou de papel passado com o DS dele o.o

    ResponderExcluir
  5. DS é Nintendo DS? Se bem que eu não sei o que é otaku, mas se tratando de japonês... não deve ser nada lá muito normal. >.<

    ResponderExcluir

How you doin?